Publicidade

terça-feira, 15 de maio de 2012

MENDIGO

Porque tens frio e os outros não
Isolas-te ao sol para aquecer.
Ages como uma lagartixa a correr
Perseguida pela solidão!

Porque desejas o que não tens
Estás insatisfeito e não convens.
Porque tens falta de humor
És desprezado e ganhas dor.

Porque magoas os inocentes
Tens atos de pânico frequentes.
Porque és diferente dos demais
E esqueces-te do caminho bom,
Derivas como os animais
À escuta de um outro som.

(Aqui estou eu à procura de inspiração
Na poesia alheia e a homenagear.)

18/2/2005

Publicado no site Recanto das Letras
www.recantodasletras.com.br/homenagens/4871844

Sem comentários: