Publicidade

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

MATURIDADE DOS SENTIMENTOS

O sentido ou direcção
Que a vida atravessa
Já não me interessa.
Desisti de voar pelos ares
Há procura da paixão,
Vou guardar entre as árvores
Minha perpétua solidão.
Vou pensar que é cedo
Para ter alguém
E viver sem medo,
Isolada, sem ninguém.
Nessas coisas do coração
Nem quero pensar,
Tudo irá surgir
Sem eu reparar,
Mas não vou mentir…
O que sinto por ti
É mais que amor,
Algo que vive em mim,
Sentimento Desesperador.

2002/2003

Sem comentários: